Voltar

Arroio do Sal (51) 3687-1360

Bal. Pinhal (51) 3682-1122

Capão da Canoa (51) 3625-2112

Capivari do Sul (51) 3685-1181

Caraá (51) 3615-1324

Cidreira (51) 3681-3400

Dom Pedro de Alcântara (51) 3664-0011

Imbé (51) 3627-2655

Itati (51) 3658-5104

Mampituba (51) 3615-2024

Maquiné (51) 3628-1322

Morrinhos do Sul (51) 3605-1112

Mostardas (51) 3673-1258

Osório (51) 3663-3502

Palmares do Sul (51) 3668-1200

Sto. Antº. da Patrulha (51) 3662-2630

Tavares (51) 3674-1513

Terra de Areia (51) 3666-1285

Torres (51) 3664-2300

Tramandaí (51) 3661-1762

Três Cachoeiras (51) 3667-1155

Três Forquilhas (51) 3628-5262

Xangri-Lá (51) 3689-4635

 
Voltar
Seminário de Municipalização dos ODM

A última sexta-feira (05/12) foi de aprendizado e planejamento para a melhoria da qualidade de vida das cidades do Litoral Norte Gaúcho. O auditório da FACOS (Faculdade Cenecista de Osório) foi espaço para mais um dos seminários de Mobilização para a Municipalização dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

O evento resultou de uma parceria entre a Secretária-geral da Presidência da República, representada pelo assessor Laurêncio Körbes, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), representado pelo consultor Daiçon Maciel da Silva e do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade/ Núcleo Estadual, representado pelo secretário executivo Delmar Sittoni. No Litoral Norte, o evento contou com o apoio da FACOS, da AMLINORTE (Associação de Municípios do Litoral Norte) e do Conselho Regional de Desenvolvimento – COREDE Litoral Norte.

Com a adesão de 191 países, os Objetivos do Milênio foram estabelecidos no ano 2000, por meio da Declaração do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), que definiu também metas e indicadores para o desenvolvimento da qualidade de vida, a serem alcançados até o ano de 2015.

Segundo o assessor Laurêncio Körbes, designado para a promoção dos ODM, a ideia é fazer chegar essa agenda ODM a todos os municípios do país como proposta de orientação das políticas públicas e a consequente melhoraria da qualidade de vida de todos: “Os Objetivos do Milênio são voltados para a questão humana. Queremos fazer com que a qualidade de vida chegue a todas as famílias”, afirmou.

Körbes afirma que o Brasil está indo muito bem no alcance das metas propostas pela ONU. No entanto, essa equação é balanceada tanto por municípios que vão muito bem, quanto por outros ainda com dificuldades, que estão bem abaixo das metas estabelecidas.

No Osório contamos com a representação de 5 municípios, onde foi articulada a criação do Núcleo Regional para os 23 Municípios que compõe a AMLINORTE.  Os Núcleos Estaduais, Regionais e Municipais são instâncias estratégicas do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade, no processo de mobilização para que os ODM sejam alcançados até 2015. São fóruns articuladores do processo de municipalização no âmbito das respectivas regiões do estado. O objetivo final é levar os ODM aos municípios, como proposta de política pública e ações que podem ser desenvolvidas pelas organizações sociais. A partir de 2015 os Núcleos de ODM irão atuar com a Agenda pós-2015 que está sendo proposta pela ONU e que trata dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS.

Segundo o consultor do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD/ONU – Região Sul), Daiçon Maciel da Silva, ex-prefeito de Santo Antônio da Patrulha, “o seminário de mobilização e planejamento realizado em Osório, propiciando a integração regional dos ODMs no comprimento das metas do milênio, busca às comunidades abrangidas uma melhor qualidade de vida, maior renda e mais sustentabilidade ambiental a sua população.”

Para Delmar Sittoni, Secretário Executivo do Núcleo Estadual ODM RS, “O Núcleo Estadual, no espaço de estar presente em todas as regiões do estado, tem na AMLINORTE um parceiro estratégico para mobilizar os municípios do Litoral Norte para adotarem a Agenda dos objetivos do Milênio (ONU) como uma ferramenta de planejamento e gestão Municipal.”

No encerramento do evento foi agendada a próxima atividade para março do próximo ano, quando será estruturado o Núcleo Regional e será realizada Oficina de Capacitação e Planejamento e elaborado o plano de trabalho para o próximo ano.