Voltar

Arroio do Sal (51) 3687-1360

Bal. Pinhal (51) 3682-1122

Capão da Canoa (51) 3625-2112

Capivari do Sul (51) 3685-1181

Caraá (51) 3615-1324

Cidreira (51) 3681-3400

Dom Pedro de Alcântara (51) 3664-0011

Imbé (51) 3627-2655

Itati (51) 3658-5104

Mampituba (51) 3615-2024

Maquiné (51) 3628-1322

Morrinhos do Sul (51) 3605-1112

Mostardas (51) 3673-1258

Osório (51) 3663-3502

Palmares do Sul (51) 3668-1200

Sto. Antº. da Patrulha (51) 3662-2630

Tavares (51) 3674-1513

Terra de Areia (51) 3666-1285

Torres (51) 3664-2300

Tramandaí (51) 3661-1762

Três Cachoeiras (51) 3667-1155

Três Forquilhas (51) 3628-5262

Xangri-Lá (51) 3689-4635

 
Voltar
CASA DE ACOLHIMENTO EM PRÉDIO PRÓPRIO

Casa própria. É assim que funcionará a Casa de Acolhimento Bem Me Quer. Depois de muitos anos trabalhando em casas alugadas a Casa de Acolhimento vai funcionar em suas dependências. Não precisando mais estar de um lado para o outro após o término dos contratos de aluguéis. Não somente as crianças, mas também todo o pessoal que desenvolve suas atividades na Casa de Acolhimento será beneficiado.

A nova Casa de está sendo construída no mesmo pátio da Secretaria de Assistência e Inclusão Social. A área construída será de 442,96 Metros Quadrados. A construção iniciou no dia 15 de Agosto e a previsão de término é para o dia 11 de Junho de 2015. A obra custará R$ 647.758,84 ( Seiscentos e Quarenta e Sete Mil, Setecentos e Cinqüenta e Oito Reais e Oitenta e Quatro Centavos). Recursos próprios do SAIS.

A nova Casa vai contar com uma área administrativa com recepção, sala de coordenação, salas para visitas assistidas, atendimentos, reuniões, dois banheiros sendo um masculino e outro feminino, lavanderia e depósito. Além disso, a Casa de Acolhimento terá uma cozinha, sala de jantar, sala de estudos, sala de estar, sala para cuidador, quatro quartos e um berçário, e dois banheiros masculino e feminino.
Conforme e Secretária de Assistência e Inclusão Social, Cerli Novaski a Casa de Acolhimento Bem Me Quer vai proporcionar todo o conforto necessário para as crianças, além é claro de dar também melhores condições para as servidoras, e servidores que ali trabalham. Salientando que o município economiza um  montante significativo ao deixar de pagar aluguel.